Blog

Acompanhe nossos conteúdos e saiba tudo sobre Gestão Escolar, relacionamento escola/pais/alunos, uso da tecnologia na educação, entre outros temas.

Compartilhe

Saiba quais são e como analisar os principais indicadores de qualidade na educação

Escrito por Hillary Moraes

Saiba quais são e como analisar os principais indicadores de qualidade na educação

Assim como qualquer dono de um negócio, o gestor escolar trabalha para atingir um ótimo nível de qualidade em sua empresa, buscando ofertar o melhor ensino aos seus alunos e também ganhar cada vez mais destaque no mercado.

A definição de qualidade de um serviço pode variar de acordo com o país, assim como entre os diferentes tipos de serviços que são ofertados à população (saúde, educação, lazer, entre outros). Entretanto, de forma simples, um serviço pode ser considerado de qualidade quando atende às expectativas e é realizado de forma eficiente e eficaz.

Os indicadores de qualidade, por sua vez, são fatores que auxiliam no monitoramento e controle da eficiência de determinado serviço. Neste post, iremos apresentar os principais indicadores de qualidade na educação, sua importância e como monitorá-los em sua escola.

Leia também: 5 dicas para a gestão escolar pós-pandemia

Como os indicadores de qualidade na educação foram definidos?

Cada escola tem a liberdade de escolha para priorizar a análise de qualidade através dos itens de sua preferência, de acordo com seus objetivos e metas individuais.

Porém, para facilitar essa avaliação, em 2004 foi lançado o primeiro volume da coleção chamada Indicadores da Qualidade na Educação, feito pela Ação Educativa com o apoio do UNICEF e do MEC. Esse conteúdo apresenta uma metodologia de avaliação da qualidade na escola através de um sistema de indicadores-chave.

Por que utilizar indicadores de qualidade?

Com o objetivo de atingir melhores resultados nos serviços oferecidos, é essencial avaliar suas ações. Utilizar indicadores de qualidade te ajuda nesse processo, pois é uma ferramenta essencial para acompanhar a performance de sua instituição de ensino.

Além disso, o uso dos indicadores de qualidade também favorece o desenvolvimento da escola, já que ajuda na identificação de problemas e resultados que podem ser resolvidos e melhorados.

Os principais indicadores de qualidade que as escolas devem acompanhar

Os indicadores de qualidade são distribuídos em sete dimensões:

1. Ambiente educativo

No ambiente escolar, deve estar presente um bom clima entre as pessoas que o compõem. Isso fortalece a socialização saudável e garante que todos os integrantes da comunidade escolar se sintam acolhidos.

Ou seja, a avaliação do ambiente serve como base para verificar se valores como solidariedade, respeito e tolerância estão sendo valorizados por toda a equipe de profissionais da escola, alunos e pais.

Alguns problemas que podem impactar negativamente no ambiente escolar são práticas como discriminação ou bullying, falta de disciplina e má gestão de conflitos. Avaliando esses indicadores do ambiente educativo, sua escola pode detectar os problemas enfrentados e mapear possíveis soluções.

Conheça a importância da assistência psicológica na educação

2. Prática pedagógica

O maior objetivo dos professores é poder passar aos alunos conhecimentos e despertar neles o desejo pelo aprendizado contínuo. Para isso, é preciso planejamento e uma boa execução das ações em sala de aula, considerando o coletivo e também o individual.

Para avaliar essa dimensão na sua escola, leve em conta indicadores como o planejamento das aulas feito pelo professor, se a proposta pedagógica é bem definida e conhecida por todos, a variedade das estratégias e dos recursos de ensino-aprendizagem utilizados e a prática pedagógica inclusiva.

3. Avaliação

A avaliação é um método fundamental para que profissionais de educação saibam como está o nível de aprendizagem de seus alunos. Entretanto, muito além de avaliar os alunos, essa dimensão integrante da escola também deve destinar atenção à avaliação da escola como um todo.

Dessa forma, os principais indicadores a serem considerados são: mecanismos de avaliação dos alunos, participação dos alunos na avaliação sobre sua aprendizagem, avaliação do trabalho dos profissionais da escola e o acesso e compreensão dos indicadores oficiais.

Entende-se como indicadores oficiais as estatísticas produzidas pelo Inep ou pelas Secretarias da Educação sobre as instituições de ensino e das redes de ensino no Brasil. Você pode conferir os últimos resultados de mais de 14 indicadores divulgados aqui.

4. Gestão escolar democrática

A gestão democrática consiste na cooperação entre membros de uma equipe, não importando a hierarquia de cargos.

Além disso, toda a comunidade escolar deve ficar informada sobre o que acontece na escola, tendo o direito de opinar sobre os processos da instituição.

Dessa forma, os principais indicadores para avaliar a gestão democrática na sua escola dizem respeito ao acesso à informação, presença de conselhos escolares atuantes, e a participação efetiva de estudantes, pais e comunidade escolar em geral.

Desafio nas escolas: gestão democrática e participativa

5. A formação e as condições de trabalho dos profissionais

Não é segredo que os profissionais de uma escola desempenham papéis fundamentais na formação dos alunos. Para que isso aconteça da melhor forma, é preciso que exista preparo, boas condições de trabalho e estabilidade.

Por isso, avalie seu corpo docente quanto a suficiência (quantidade de funcionários), assiduidade e estabilidade. Para resultados ainda melhores, invista sempre na formação desses profissionais.

6. Ambiente físico

O ambiente físico escolar precisa ser organizado e bem estruturado. Afinal, é onde os alunos e equipe escolar passarão boa parte do dia.

Além de fazer avaliações de cômodos como salas de aula, banheiros, bibliotecas ou salas de leitura e pátio, também é importante estar atento ao bom aproveitamento dos recursos existentes e a qualidade desses recursos. Dessa forma, o acesso a água, alimentos e materiais didáticos também precisa ser avaliado.

7. Acesso, permanência e sucesso dos alunos na escola

Na última dimensão, os indicadores estão relacionados a um dos principais desafios enfrentados pelas instituições de ensino: a retenção de alunos e o êxito na aprendizagem.

Para saber mais sobre a situação de sua escola, os principais indicadores a serem considerados são o número total de faltas dos alunos, o índice de abandono e evasão e a atenção que é dada aos alunos com alguma defasagem de aprendizagem.

Retenção de alunos: dicas essenciais para sua escola

Como analisar resultados

Para que a qualidade educacional e os resultados de uma escola melhorem, os gestores precisam ter acesso a análises baseadas em evidências da situação atual e tendências ao longo do tempo.

Dessa forma, uma ótima maneira de monitorar e analisar os indicadores de qualidade de uma instituição de ensino é optando pelo uso de um sistema de gestão escolar. Esses softwares auxiliam na busca por dados relevantes para análise e podem emitir relatórios completos sobre diversos setores da escola.

Contando com essa ajuda, você pode, por exemplo, avaliar com mais acuracidade o seu número de matrículas feitas no ano, a evolução desses alunos, o índice de retenção e muito mais informações que te ajudam a avaliar a dimensão de qualidade sobre a permanência e sucesso dos alunos na escola.

Gestor, agora que você conhece mais sobre os indicadores de qualidade, conheça também os benefícios de contratar um sistema de gestão escolar que o ajude a monitorá-los em sua escola. Para ter acesso a uma demonstração gratuita do iScholar, clique aqui.

Aguarde nossos próximos conteúdos e nos siga nas redes sociais:

Facebook | Instagram

Até a próxima!